Rua do Crasto 1415

4720-614 Prozelo, Amares

solardasboucasturismo@gmail.com

Tel: 253 909 010

Tlm: 96 66 98 280

  • Facebook Basic Black
  • Black Instagram Icon

© 2019 por Solar das Bouças S.A. 

OS

VINHOS

Produzido e engarrafado na quinta, o Vinho Verde "Solar das Bouças" utiliza, exclusivamente, uvas produzidas na propriedade.

 

Dos cerca de 34 hectares de área total da quinta, 24 estão preenchidos com vinha cabendo à casta Loureiro a maior fatia: 20 hectares. Os restantes 4 são repartidos pela casta Alvarinho, 2,5 hectares plantados à entrada da quinta e à casta Arinto, mais conhecida na região como Pedernã.

 

No que respeita ao tipo de plantação utilizado na quinta, convivem 2 sistemas de condução: o cordão unilateral e a latada ou ramada implantada, utilizada  principalmente, sobre áreas improdutivas da propriedade (como estradas e caminhos).

 

Assim nasce, pelas mãos de Álvaro van Zeller, um vinho fresco de características leves e harmoniosas, frutado e de inegável excelência.

 

Os visitantes podem degustar e adquirir o vinho na propriedade.

Solar das Bouças - Loureiro

 

Origem:
Região do Minho - distrito de Braga

 

Classificação:
DOC Vinho Verde

 

Castas: 
100% Loureiro

 

Álcool: 11,5%

 

Enólogo: Fernando Moura

Vinificação:

Prensagem: uva desengaçada;
Mosto: decantação estática por 24 horas à temperatura ambiente com utilização de enzimas;
Fermentação: em cubas de aço inoxidável à temperatura de 18ºC durante 5 dias;
Fermentação malolática: não efetuada;
Estabilização tartárica: método de contacto.
Estágio em garrafa: 3 a 6 meses

 

Sugestões:

Servir à temperatura de 8º a 12ºC como aperitivo ou a acompanha na perfeição marisco, peixe, carnes brancas, comida vegetariana, japonesa e ceviche

Solar das Bouças - Alvarinho

Origem:
Região do Minho - distrito de Braga

 

Classificação:
DOC Vinho Verde

 

Castas: 
100% Alvarinho

 

Álcool: 13%

 

Enólogo: Fernando Moura

Vinificação:

Prensagem: uva desengaçada;
Mosto: decantação estática por 24 horas à temperatura ambiente com utilização de enzimas;
Fermentação: em cubas de aço inoxidável à temperatura de 18ºC durante 5 dias;
Fermentação malolática: não efectuada;
Estabilização tartárica: método de contacto.
Estágio em garrafa: 3 a 6 meses

 

Sugestões:

Servir à temperatura de 8º a 12ºC como aperitivo ou a acompanha na perfeição marisco, peixe, carnes brancas, comida vegetariana, japonesa e ceviche